NOTA DE REPÚDIO DA ADEPPE

NOTA DE REPÚDIO DA ADEPPE

A ADEPPE – Associação dos Delegados de Polícia de Pernambuco – torna público o repúdio pela nomeação do Coronel Reformado da Polícia Militar, Frederico Sergio Lacerda Malta, na função de Corregedor-Geral adjunto da Secretária de Defesa Social, pelo governador Paulo Câmara, através do Ato nº 5682, publicado no Diário Oficial de 30/05/2015.

O Coronel ora nomeado foi o mesmo exonerado em março de 2011, pelo então governador Eduardo Campos, de função que exercia no mesmo órgão da corregedoria, por constranger o jornalista João Valadares, do Jornal do Commercio, após matéria jornalística que criticava as deficiências existentes no Corpo de Bombeiros de Pernambuco.

Na época, à imprensa, o saudoso governador fundamentou a demissão no desrespeito aos diretos humanos e liberdade de imprensa, dizendo: “Nosso governo é transparente por princípio e por decisão política. Nós consideramos essencial à democracia o preceito Constitucional segundo o qual é assegurado a todos o acesso à informação e resguardado o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício profissional”. Mas os referidos princípios deixaram de ser prioridade no novo governo?

Os Delegados de Polícia de Pernambuco há anos lutam pela construção de uma Polícia Civil e um Estado garantidores dos Direitos Humanos e das garantias constitucionais fundamentais, razão pela qual a ADEPPE lamenta a breve memória dos que fazem a gestão pública estadual e o retrocesso que vem sendo implementado como política de governo de Paulo Câmara, que atinge as polícias e agora também a Corregedoria Geral da SDS.