História

A ADEPPE se origina na existência da Polícia Civil de Pernambuco, dirigidas por delegados de polícia de carreira, a quem incumbem, ressalvada a competência da União, as funções de polícia judiciária e a apuração de infrações penais, exceto as militares, conforme previsto no Art. 144, § 4º da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988.

Filiada à Associação dos Delegados de Polícia do Brasil (ADEPOL), a ADEPPE é a entidade representativa dos Delegados e Delegadas de Polícia de Pernambuco, com mais de 600 associados. A instituição foi fundada em 16 de setembro de 1974 por um grupo de 44 Delegados que incluía, entre muitos outros, João Clímaco Rátis, Jairo Pontes, Roldão Joaquim, Batista Moreno, José da Silveira Távora, Mário Alencar, José Silvestre, e Edvaldo Cruz.

A primeira sede da ADEPPE foi instalada no edifício Inalmar, situado no bairro de Santo Antonio, no Recife (PE). Atualmente, a entidade funciona no bairro da Boa Vista, em um dos casarões da Rua da Aurora, no número 387.

A ADEPPE surgiu a partir da luta pela instituição da Polícia de Carreira. O estabelecimento da Polícia de Carreira aconteceu também no ano de 1974, pelo então governador Eraldo Gueiros. O secretário da Segurança Pública á época era o coronel Egmont Bastos.

Entre as principais características da instituição estão a vigília constante na defesa dos direitos e interesses dos Delegados e Delegadas de Polícia e a preocupação com o planejamento, elaboração e implementação de políticas públicas de segurança que atendam os anseios da sociedade pernambucana.
Selo comemorativo aos 35 anos da ADEPPE em 2009.

 

Abaixo, um pouco da Polícia Civil de Pernambuco (www.policiacivil.pe.gov.br)

MISSÃO:

Investigar as infrações penais e desenvolver as atividades de Polícia Judiciária e Administrativa com eficiência, eficácia e efetividade, garantindo segurança à sociedade e preservando a paz social.

VISÃO:
Até 2014 ser reconhecida nacionalmente pela excelência dos serviços prestados, resolução de delitos e valorização profissional.

VALORES:

Compromisso
Disciplina
Ética
Lealdade
Perseverança
Profissionalismo
Solidariedade.

Conforme Portaria Gab. Nº 441/2002 de 09 de abril de 2002, são Símbolos da Polícia Civil do Estado de Pernambuco:

Bandeira da Polícia Civil

HINO DA POLÍCIA CIVIL DE PERNAMBUCO

(OficialDobradoAcappelaInstrumental)

Letra e Música do Professor
JOSÉ MARTINIANO DA SILVA

Somos nós, esta classe briosa,
Que devemos a ordem velar
E, da sanha da mão criminosa
Os ditames da Lei preservar. (Bis)
Não buscamos a fama ou o mito,
Só nos move o dever a cumprir:
Evitar instalar-se o conflito,
Prevenir, apurar, reprimir. (Bis)
Cada um de nós seja um amigo,
Cada um de nós seja um irmão,
Possa sempre, iminente o perigo,
Minha mão encontrar tua mão. (Bis)
Pernambuco, que em dias de outrora
Permeaste de heróis o Brasil,
Em teus feitos espelha-se agora,
Grandiosa, a Polícia Civil! (Bis)


Brasão da Polícia Civil