Debate sobre a Reforma da Previdência

Debate sobre a Reforma da Previdência
Na última sexta-feira (1) ocorreu no auditório da Adeppe um debate sobre os impactos da Reforma da Previdência para a classe trabalhadora e, mais especificamente, para os servidores públicos.
 
Participaram os professores de direito Durval Lins e Maria D’Lara Melo, a advogada e servidora da INSS Patrícia Wanderley e a vice-presidente da Adeppe Andrea Busch. A reforma foi considerada necessária por todos os presentes, mas nos moldes em que foi encomendada pelo atual Governo Federal, também foi considerada nefasta, pois retira direitos conquistados na Constituição de 1988 e, pelo impacto, não foi devidamente debatida com a sociedade.
 
Os presentes também criticaram a atual propaganda governamental em rádio, televisão e jornais defendendo a reforma e “culpando” os servidores públicos pelo “rombo” na previdência. Para eles, de acordo com o modelo tripartite de contribuição (empregado, empresa, governo) da previdência, determinado pela Constituição, é questionável o argumento de déficit que fundamenta a propaganda do governo.
 
Os delegados que compareceram aproveitaram o momento para tirar dúvidas, opinar e propor atividades de esclarecimento.
 
A vice-presidente da Adeppe, Andrea Busch, afirmou que a associação promoverá novos ciclos de debates sobre temas de interesse dos Delegados e Delegadas de Polícia de Pernambuco.